Nature: 8 artigos inéditos falam de Política e Ciência, Cannabis Medicinal, Perigo, Profissões e Cannabusiness

Por: Thiago Ermano – 22 de agosto de 2019

No mês de agosto de 2019, a mundialmente conhecida publicação Nature traz 8 artigos inéditos e disponíveis pelo site, em inglês.

A Nature é a revista internacional científica mais respeitada do mundo. Semanalmente publica as melhores pesquisas, revisadas por grandes universidades globais e atuando nos campos da ciência e tecnologia, “com base em sua originalidade, importância, interesse interdisciplinar, pontualidade, acessibilidade, elegância e conclusões surpreendentes”, informam em seu site.

A Nature também fornece notícias e interpretações rápidas, autoritativas, perspicazes e interessantes sobre as tendências atuais e futuras que afetam a ciência, os cientistas e o público em geral. Veja o que dizem sobre Cannabis nesse mês:

O interior de um dispensário moderno de cannabis em Louisville, no Colorado (EUA). Foto: Cyrus McCrimmon/The Denver Post/Getty

Pesando os perigos da cannabis – O interesse aumenta nos benefícios potenciais à saúde da planta, acumulando evidências confirmam que tomar o medicamento também traz riscos.

O cultivo interno de cannabis pode se beneficiar de diodos emissores de luz com eficiência energética. Foto: Canna Obscura/Shutterstock

Cannabis pode ficar verde? Com [alta] demanda por água, terra e iluminação artificial, o cultivo de cannabis pode deixar uma grande ‘pegada ambiental’. Mas a conscientização, se aumentada, poderia tornar o cultivo benigno [à sociedade].

O snowboarder olímpico Ross Rebagliati foi pego no teste de dopping, por dar positivo para o canabinóide tetrahidrocanabinol, em 1998. Foto: Frank Gunn/The Canadian Press/AP

Malhando com maconha – Os cientistas investigam as conexões contra-intuitivas entre exercícios e Cannabis.

Pesquisadores monitoram a Cannabis propagada, usando técnicas de cultura de tecidos vegetais em Ebbu, em Evergreen, Colorado. Foto: Helen H. Richardson/The Denver Post/Getty

A bioengenharia da Cannabis – A modificação genética pode permitir a produção em escala industrial de canabinoides, com potencial farmacêutico.

EUA: Os reguladores precisam repensar as restrições à pesquisa sobre cannabis – São necessárias mudanças de política para apoiar trabalhos cruciais nos país, diz Jahan Marcu. “Imagine realizar um ensaio clínico e depois não conseguir publicar os resultados. Para os pesquisadores de cannabis nos Estados Unidos, essa é frequentemente a triste realidade.”

Uma instalação comercial de cultivo de cannabis medicinal em Moncton, Canadá. Foto: Organigram Inc.

Canadá: A profissionalização do cultivo de cannabis – À medida que a onda de legalização avança, uma indústria emergente está adotando os altos padrões dos fabricantes de produtos de consumo para atender aos requisitos regulamentares.

Relatórios e dados. (2019) Mercado de óleo de peixe por fonte, por aplicação, por canal de distribuição e previsão de segmento. Alimentos Saudáveis ​​e Nutrição Esportiva. Abril 2019.

Auxly: ciência integrada da cannabis e aprendendo com os erros da indústria nutricional – A cannabis está evoluindo de uma droga ilegal estigmatizada para um componente socialmente aceito de medicamentos, bem-estar e produtos de uso adulto. À medida que essa metamorfose avança, agências federais e consumidores informados estão pedindo mais dados sobre qualidade e segurança. A indústria precisa responder.

Os tricomas nas folhas e brotos produzem os compostos ativos da planta de cannabis. Foto: iStock / Getty

Sinergias químicas da cannabis – A noção de um ‘efeito de comitiva’ que amplia os efeitos da droga é intrigante, mas carece de evidências sólidas.

Creative Commons License AttributionRepublish

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Nosso conteúdo

Como forma de respeito a todos os conteudistas e leitores, referenciamos nossas fontes de informação colocando seus links. Além disso, sabemos que isso facilita as pesquisas de estudantes, professores, pesquisadores, empreendedores, profissionais e, dessa forma, o ecossistema se fortalece como um todo. \o/
Licença de uso
CC BY

Utilizamos a licença Creative Commons CC-BY (Atribuição 4.0 Internacional), ou seja, resumidamente, qualquer um pode:

Compartilhar: copiar e redistribuir o conteúdo de nossas postagens em qualquer meio e formato;
Adaptar: editar, remixar, transformar, e construir a partir de nossas postagens com qualquer propósito, até mesmo comercial.

Sob o seguinte termo:

Atribuição: ao utilizar (compartilhar/adaptar) o conteúdo de nossas postagens, seja para encontrar novas fontes de conteúdo, o responsável deve dar os devidos créditos ao nosso canal, referenciando-o com o link para o material consultado.

Essa licença está entre as mais abertas e é aprovada pelo Free Cultural Works, ou seja, é uma licença que está de acordo com as liberdades essenciais de uso, compartilhamento e edição de conteúdo

License

Creative Commons License AttributionCreative Commons Attribution
Nature: 8 artigos inéditos falam de Política e Ciência, Cannabis Medicinal, Perigo, Profissões e Cannabusiness