EUA: Canabidiol é utilizado em tratamentos de pets

Nos Estados Unidos, o uso da substância é liberado em alguns estados apenas para humanos, que usam o produto em cães e gatos. Tutores relatam melhora em doenças.

O mundo ainda vive a polêmica de liberar o canabidiol (extrato da maconha) para uso medicinal em humanos, mesmo com inúmeros casos comprovados cientificamente de que a substância ajuda no tratamento de doenças.

E o assunto chegou ao mundo animal. É que há tutores usando o canabidiol em pets. E isso tem acontecido em alguns estados dos EUA onde o uso é liberado apenas em humanos. Eles conseguem receita em seu nome, mas usam o produto nos pets.

O canabidiol é usado em dores crônicas decorrente de neoplasias (câncer), artrite, artrose, ansiedade e epilepsia. São vários os produtos a base da substância, entre eles péletes (tipo ração). No Brasil canabidiol em tratamento em humano é regulado pela Anvisa portal.anvisa.gov.br/importacao-de-canabidiol. Em pets não é liberado.

Rogério Lobo, presidente presidente da Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais do RJ (Anclivepa-RJ) explica que ainda não há comprovação científica que o produto melhora as doenças em animais, mas apenas relatos de tutores e veterinários que apontam melhora significativa nos problemas.

Lobo alerta que machonha é tóxica para os pets devido ao seu alto nível de THC (substância psicoativa) e pode causar sérios problemas nos animais. O canabidiol tem baixo nível da substância.

MEDICAMENTOS CONTROLADOS

Veterinários que utilizam medicamentos de uso controlado e de receituário especial precisam se cadastrar obrigatoriamente no Sistema Integrado de Produtos e Estabelecimentos Agropecuários (Sipeagro). Saiba como se inscrever assistindo ao vídeo da veterinária Juliana Rocha, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa):

Fonte: Coluna ‘É o Bicho’/Jornal Dia

Creative Commons License AttributionRepublish

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Nosso conteúdo

Como forma de respeito a todos os conteudistas e leitores, referenciamos nossas fontes de informação colocando seus links. Além disso, sabemos que isso facilita as pesquisas de estudantes, professores, pesquisadores, empreendedores, profissionais e, dessa forma, o ecossistema se fortalece como um todo. \o/
Licença de uso
CC BY

Utilizamos a licença Creative Commons CC-BY (Atribuição 4.0 Internacional), ou seja, resumidamente, qualquer um pode:

Compartilhar: copiar e redistribuir o conteúdo de nossas postagens em qualquer meio e formato;
Adaptar: editar, remixar, transformar, e construir a partir de nossas postagens com qualquer propósito, até mesmo comercial.

Sob o seguinte termo:

Atribuição: ao utilizar (compartilhar/adaptar) o conteúdo de nossas postagens, seja para encontrar novas fontes de conteúdo, o responsável deve dar os devidos créditos ao nosso canal, referenciando-o com o link para o material consultado.

Essa licença está entre as mais abertas e é aprovada pelo Free Cultural Works, ou seja, é uma licença que está de acordo com as liberdades essenciais de uso, compartilhamento e edição de conteúdo

License

Creative Commons License AttributionCreative Commons Attribution
EUA: Canabidiol é utilizado em tratamentos de pets