Produção de Cannabis: Onde estão os Agrônomos? (1/3) | Tudo Sobre Cannabis

Por Lorenzo Rolim da Silva – 10 de setembro de 2019

O cultivo da espécie Cannabis sativa é tema de intenso debate nos dias de hoje, tanto dentro quanto fora do Brasil. Mas uma questão que sempre me chamou atenção foi: Se estamos discutindo cultivo, onde estão os Agrônomos?

Talvez seja corporativismo da minha parte, afinal sou Engenheiro Agrônomo, mas sempre foi uma questão que me incomodou de certa forma.

Já estive presente em inúmeros congressos e eventos relacionados a Cannabis aqui no Brasil, desde eventos em Câmaras de Vereadores, eventos organizados pela Anvisa em Brasília até congressos específicos de Cannabis, e em diversas ocasiões, eu era o único Engenheiro Agrônomo presente. Normalmente o grupo mais próximo a atividade de cultivo que frequenta esses eventos são os biólogos. E convenhamos, o Brasil é o país da Agronomia.

Claro que podem existir diversas razões para o desinteresse da minha classe profissional, o primeiro e talvez mais importante é que, durante a graduação, não se houve falar nenhuma vez em Cannabis, sequer no gênero ou na família Cannabaceae.

É compreensível de certa forma, afinal aqui no Brasil ainda é ilegal qualquer atividade relacionada ao cultivo, porém já está mais do que na hora de nossas Universidades abrirem os olhos para o tema, afinal é um mercado de trabalho crescente e que cada vez mais exige profissionais qualificados, tanto que no Canadá e nos EUA já está se tornando comum a criação de disciplinas em cursos relacionados a produção de plantas e até cursos na pós-graduação.

Algumas Universidade Americanas e Canadenses que já oferecem cursos na área (com links):

Tenho certeza que a lista pode ser ampliada e vou tentar mantê-la atualizada, mas por hora já é exemplo mais do que suficiente que estamos ficando para trás no quesito educação sobre o tema.

A indústria é tão dinâmica e inovadora que a revista Nature, referência mundial em ciência e atualidades, publicou mais uma edição inteiramente dedicada a Cannabis.

Edição da revista Nature publicada em 28 de Agosto de 2019. Até quando vamos ignorar o tema?

Dentre as 10 matérias presentes na revista, uma chamou muito minha atenção: The professionalization of cannabis growing.

Continue lendo o artigo

Creative Commons License AttributionRepublish

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Nosso conteúdo

Como forma de respeito a todos os conteudistas e leitores, referenciamos nossas fontes de informação colocando seus links. Além disso, sabemos que isso facilita as pesquisas de estudantes, professores, pesquisadores, empreendedores, profissionais e, dessa forma, o ecossistema se fortalece como um todo. \o/
Licença de uso
CC BY

Utilizamos a licença Creative Commons CC-BY (Atribuição 4.0 Internacional), ou seja, resumidamente, qualquer um pode:

Compartilhar: copiar e redistribuir o conteúdo de nossas postagens em qualquer meio e formato;
Adaptar: editar, remixar, transformar, e construir a partir de nossas postagens com qualquer propósito, até mesmo comercial.

Sob o seguinte termo:

Atribuição: ao utilizar (compartilhar/adaptar) o conteúdo de nossas postagens, seja para encontrar novas fontes de conteúdo, o responsável deve dar os devidos créditos ao nosso canal, referenciando-o com o link para o material consultado.

Essa licença está entre as mais abertas e é aprovada pelo Free Cultural Works, ou seja, é uma licença que está de acordo com as liberdades essenciais de uso, compartilhamento e edição de conteúdo

License

Creative Commons License AttributionCreative Commons Attribution
Produção de Cannabis: Onde estão os Agrônomos? (1/3) | Tudo Sobre Cannabis